Quando te viro as costas, não é por não gostar de ti, é por querer que me agarres o braço, me impeças de partir e que digas, “Não vás. Sem ti não vivo. Amo-te”.

14 comentários :

  1. tenho razões para isso. e já agora, como é que sabes que não me estou a rir ?

    ResponderEliminar
  2. tenho mesmo de ser cebolinha ? para além de fazer chorar, sabe mal.
    não tenho nada, só má disposição :)

    ResponderEliminar
  3. não sejas má.
    já na Quarta ? ainda bem. estive tanto tempo à espera disso :)

    ResponderEliminar
  4. Tipo, esta frase está linda ;p
    E obrigada! <3

    ResponderEliminar
  5. É tão bom saber isso, a sério *.*

    ResponderEliminar
  6. Sempre que puder, cá estarão eles *.*
    Ó obrigada (:

    ResponderEliminar
  7. Ora essa (:
    Ó claro que tenho, acredita.

    ResponderEliminar
  8. Obrigada, mesmo :$
    Gosto deste teu post!

    ResponderEliminar
  9. o quê ? eu não te devo nada -.-'

    ResponderEliminar

Thank you for taking your time. Comments always make me happy.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...