A minha vida tem nome...

Hoje queria escrever sobre mim, sobre a minha vida. Sabes, gosto de tudo em ti. Gosto dos teus olhos verdes, sim esses olhos verdes com “remoinhos” castanhos. Gosto de quando olhas para mim. Gosto quando olhas para o infinito. Gosto quando o teu olhar é doce. Gosto quando o teu olhar me “amaldiçoa” quando digo alguma asneira parva e me faz sorrir. Gosto do teu sorriso. Gosto quando sorris ao ver-me. Quando sorris ao despedir-te, e me fazes sorrir também simplesmente porque sei que voltarás. Gosto desse sorriso de escárnio quando digo algo errado. Gosto do teu sorriso quando gozas com o meu sotaque. Enquanto repetes fuixe vezes sem conta, ou me perguntas se é comuigo um milhão de vezes. Sim, gosto quando gozas com o meu sotaque, aquele sotaque que eu nem sabia que tinha antes de te conhecer e tu fazeres questão de o salientar. Gosto da maneira como falas. Como fazes vários tipos de vozes consoante a situação. Gosto de quando falas comigo. Gosto quando não falas. Gosto do teu silêncio. E gosto do teu ruído. Gosto quando me ligas. Gosto de adormecer a meio da chamada. Gosto de quando falas de ti. Gosto quando perguntas se estou bem. Gosto quando adivinhas. Gosto quando me ensinas coisas. Gosto quando te ensino algo. Gosto de descobrir coisas novas ao teu lado. Gosto de te mostrar coisas diferentes. Gosto de pensar em ti. Gosto de estar contigo. Gosto do teu cabelo. Gosto quando cortas o cabelo. E gosto quando o deixas crescer. Gosto da tua barba. E gosto da ausência de barba. Gosto das tuas mensagens longas. Gosto das tuas mensagens curtas. Gosto de falar contigo todos os segundos. Gosto de acumular saudades. Gosto dos teus ciúmes. Gosto de saber que não tenho motivo para ter ciúmes, e ainda assim, tê-los. Gosto de almoçar contigo. Gosto que me segures a mão. Gosto de passear contigo. Gosto de ficar sentada ao teu lado. Gosto dos teus braços. Gosto de brincar com os pelos dos teus braços. Gosto de te ofender, por infinitas razoes que me fazem rir. Gosto dos teus abraços. Gosto das tuas mãos. Gosto de te chamar pequenino. Gosto de te ver chegar. Gosto de receber fotos tuas. Gosto quando acordo e tenho uma mensagem tua. Gosto de sorrir, simplesmente porque tu gostas de me ver sorrir. Gosto de andar nas escadas rolantes, sempre no degrau superior ao teu. Gosto de ir a lojas contigo. Gosto de comer gelados contigo. Gosto de esperar por ti e saber que já não demoras. Gosto de sonhar contigo. Gosto de olhar para trás e ver a nossa história. Gosto de acreditar que está longe do fim. Gosto quando dizes que me amas. Gosto quando me mandas declarações estranhas, mas que me fazem viver feliz. Gosto da maneira como me sinto ao teu lado. Gosto que sejas um lago de águas calmas quando eu sou um tsunami. Gosto quando me das confiança para continuar. Gosto quando amuas, e depois voltas ao normal. Gosto quando dizes que queres ficar comigo para sempre. Gosto de tudo em t. e gosto de gostar de ti. Sabes, há um mês que o NÓS se tornou real, mas eu já vivia contigo, no meu mundo de fantasia. E sabes, hoje decidi escrever sobre a minha vida, e a minha vida há muito que foi baptizada de João.

14 comentários :

  1. obrigadaa, a minha vida tb foi batizada de João $:

    ResponderEliminar
  2. oh minha linda, o texto não está nada de especial, mas este teu post eu adorei mesmo. a minha vida também já à muito que foi baptizada de pedro :$$

    ResponderEliminar
  3. obrigada mais uma vez *.*
    e eu também não me canso de dizer que vidrei completamente neste post. diz tudo, tudo mesmo (:

    ResponderEliminar
  4. e é tão bom saber isso (: acredita que não ha nada que me faça sentir tão bem como saber que gostam do que escrevo. um enorme obrigada, beijinho.

    ResponderEliminar
  5. é bom saber, e acredita que tu escreves tão bem ou melhor que eu (:

    ResponderEliminar

Thank you for taking your time. Comments always make me happy.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...