Presentes| 6 presentes de Natal para quem adora maquilhagem


Já começaram a pensar nas prendas que vão pedir e que precisam oferecer? Para os apaixonados por maquilhagem, as opções são imensas e para todas as carteiras. Desde paletas, kits e sets temáticos, quase todas as marcas dispõem destes conjuntos especialmente concebidos para serem o presente perfeito para as mães, amigas, namoradas, esposas ou qualquer pessoa que ame o mundo da maquilhagem. Sejam sombras, pincéis, batom ou máscara de pestanas, é possível encontrar tudo que precisamos para arrasar na maquilhagem e comprados em conjunto fica mais barato do que comprar cada produto individualmente. Não há como errar na hora de presentear!

Vocês gostam de receber este tipo de coisa? O que queriam receber este ano?

Livro| O Índice da Maldade - Hernâni Carvalho

Nome: O Índice da Maldade| Autor: Hernâni Carvalho| Editora: Guerra e Paz| Páginas: 198

O livro de hoje é um pouco diferente dos livros que costumo trazer por aqui, mas é um livro que desejei desde o momento em que foi anunciado. Como vocês sabem, eu adoro a mente humana, escolhi psicologia no secundário e, quase que isso, me fez concorrer a essa licenciatura. No fimm acabei por manter a minha escolha em jornalismo - e não me arrependo - mas psicologia continua a ser algo que adoro e leio alguns livros sobre o assunto (que posso falar deles aqui, se assim quiserem). Psicologia criminal e comportamento desviante são temas sobre os quais gosto de saber mais, para procurar entender melhor alguns casos que surgem quase diariamente. A minha série favorita é, desde adolescente, Criminal Minds, e confesso que sempre que surge um caso na comunicação social, eu tento aplicar um pouco do que aprendi ao ler dezenas de artigos sobre análise comportamental e psicologia criminal. No fundo, eu queria ser um profiler e trabalhar para o FBI.

Posto isto, como poderia não querer ler este livro de Hernâni Carvalho? Não podia.

O Índice da Maldade foi construído a partir da Escala da Maldade de Michael Stone. Esta escala tem 22 níveis, começando em pessoas que Matam em legitima defesa, até aos Psicopatas Assassinos Torturadores, (passando por níveis intermédios como homicidas que matam em momento de raiva, por exemplo). Para cada um destes níveis, é apresentado um caso concreto, tornando-se mais chocante à medida que vamos avançando na escala. São casos conhecidos dos portugueses, como o Caso do Carlos Castro e Renato Seabra, que na escala é o nível 6: Homicidas que matam em momentos de raiva, por impulso e sem nenhuma, ou pouca, premeditação. São apresentados vários casos de homicídio que abalaram os portugueses e fizeram correr muita tinta na imprensa, como Rei Ghob, Manuel Palito, o Estripador de Lisboa... entre muitos outros.



À medida que vamos avançando na leitura, percebemos melhor o aviso de "não recomendado a pessoas sensíveis". O livro é um pouco forte, na medida em que dá detalhes sobre diversos crimes macabros. No entanto, O Índice da Maldade é fascinante, foram apresentados alguns casos que eu não conhecia, e que embora chocantes, mas que são um exemplo de como funciona a mente humana e dos comportamentos desviantes. A análise é fria, objectiva e faz olhar para estes casos de um ponto de vista completamente novo. É forte, é chocante e perturbador mas também esclarecedor na medida em que desmistifica ideias pré-concebidas. Recomendo a leitura deste livro, sem dúvida. Após a leitura podemos ver outros casos de homicídio sobre uma perspectiva totalmente nova.

Wishlist| Presentes de Natal para ela (no caso, para mim)

Com o mês de dezembro chegam também as listas de presentes que queremos receber. Esta é a minha, para o caso de alguém me querer presentear este ano. Algumas coisas não mudam muito em relação ao ano passado (parece as resoluções de ano novo, todos os anos as mesmas e nunca cumpridas).

Perfume: Perfume é sempre aquela coisa básica que podem sempre oferecer em qualquer data festiva. O meu favorito é sem dúvida o Light Blue, o meu terminou há anos e ainda não comprei um novo.
Paleta de Sombras: Nudes! Quem não gosta? Eu amo estas paletas de sombras nudes e estou mesmo a precisar de uma.
Lente: Uma 50mm é o meu sonho antigo e já pedido no Natal durante anos. Não posso continuar a viver sem ela.
Livros: Livros nunca são demais, por isso se não souberem o que oferecer pensem em livros de autoras como Silvya Day, Nora Jones, Megan Maxwell ou Kiera Cass são sempre uma boa opção para mim.
Pantufas: Fofas, quentinhas e em forma de unicórnio. Não dá para resistir, não posso viver sem elas.
Pijama: Eu quero dormir vestida de unicórnio e continuar assim o resto do dia. Não posso passar nem mais um inverno sem um pijama destes. 
CD: Um CD é algo que, para mim, ainda não está ultrapassado. Adoro receber CD's e este ano o da Taylor seria o presente ideal.
Agenda: Tudo a postos para 2018? Uma agenda é essencial para me organizar, e esta da Mr Wonderfull é perfeita!
Tapete: Algumas peças de decoração também podem ser uma boa opção para oferecer. Eu amo esta espécie de tapete imitação de pele de ovelha (que existe no Ikea) e queria muito um.
Modelador: Fazer penteado diferentes quem não quer? Um modelador de cabelo é algo que ainda me falta para variar um pouco o cabelo.
Mala: Uma mala onde cabe tudo e que seja versátil. Estou a precisar de renovar as malas por estes lado.
Vans: O básico dos básicos: uns bons ténis para o dia a dia, mas sobretudo confortáveis e muito giros. 

E vocês? O que querem receber neste natal?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...